segunda-feira, 24 de agosto de 2009

VIA ANHANGUERA - ANOS 1940

No mapa acima, publicado em um jornal não identificado (possivelmente O Estado de S. Paulo) da primeira metade dos anos 1940 - quando a via Anhanguera já estava em construção - mostra a rodovia entre São Paulo e Jundiaí, que, aliás, foi o primeiro trecho a ser entregue pelo Estado. Notar a comparação da rodovia com a "estrada atual" - a Estrada Velha de Campinas, ao sul, e as linhas da SPR, da Sorocabana e da E. F. Perus-Pirapora.

Não há maiores comentários a ser feitos; a grande modificação que ocorreu neste mapa, além do absurdo adensamento populacional na área (que não é mostrado nesse mapa), foi a construção da Via Norte, depois chamada de Rodovia dos Bandeirantes, nos anos 1970, que nesse trecho foi construída entre as duas rodovias acima, cruzando a Anhanguera em Jundiaí.

Notar o número de curvas existentes na Estrada Velha.

2 comentários:

  1. Interessante notar o traçado da Estrada Velha de Campinas (Atual Tancredo Neves) que foi modificado/modernizado por volta de 1962.Segundo meu saudoso pai,o asfalto chegava apenas até o trevo de Franco da Rocha (Juquery no mapa) e a partir deste ano foi feita a pavimentação até Jundiaí,retificando-se alguns trechos e deixando pistas de onde a estrada passava originalmente.do KM 46 até o kM 56 a estrada foi toda refeita.O mapa acima comprova as histórias que meu pai contou e fico pensando no sofrimento que havia para fazer este percurso naquela época,com a estrada sem pavimentação com subidas,descidas e curvas ainda mais difíceis que as de hoje.

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde. Você teria alguma imagem da estátua de Adhemar Pereira de Barros no alto de um morro na entrada de Campinas pela Via Anhanguera ? Agradeço uma resposta

    ResponderExcluir