terça-feira, 22 de maio de 2012

ALTO DA BOA VISTA, SÃO PAULO: CONSTRUINDO FORA DOS LOTES?

Folha da Manhã, 6/6/1948

Em 6 de junho de 1948, o jornal Folha da Manhã publicava um anúncio de venda de lotes no bairro paulistano do Alto da Boa Vista, no distrito de Santo Amaro. O bairro já existia havia pelo menos trinta anos, mas pelo que tudo indica era um bairro de chácaras ou mesmo de terrenos vazios.
Google Maps, 2012: o mesmo quarteirão do anúncio de 1948, à esquerda

O anúncio mostrava um mapa de dois quarteirões do bairro, sem escala e com ruas com denominações diferentes da de hoje - note-se que ainda conheci as denominações desse mapa, que foram alteradas no início dos anos 1980, por serem em grande parte iguais a ruas da cidade de São Paulo. Lembrar que Santo Amaro era município até 1935, por isso tinha diversas ruas com nomes iguais à da Capital.
Google Maps, 2012: o mesmo quarteirão do anúncio de 1948, à direita

A rua São Luís é hoje a Comendador Elias Zarzur. A General Ozorio, a Roberto Cardoso Alves. A rua da Liberdade é a Irineu Marinho. A Silva Jardim é hoje a Graham Bell. A estrada velha de Santo Amaro é a avenida Santo Amaro e, no trecho do mapa, a atual avenida Adolfo Pinheiro. Já o "Bonde Santo Amaro" era o leito da atual avenida José Diniz. Mantiveram os nomes a rua da Fraternidade e a rua São Benedito.

Aqui, uma curiosidade: se havia a rua Liberdade e a Fraternidade, deveria também existir a rua Igualdade, não é? Pois se esta realmente existiu, ou seria a atual rua Nove de Julho ou a Marechal Deodoro (que, curiosamente, até os anos 1970 se chamava General Deodoro), que não aparecem nesse mapa de 1948 mas são as imediatamente contíguas às duas ruas citadas acima, cada uma de um lado.

Enfim, o mais curioso é que, embora os lotes à venda estejam muito claramente mostrados no mapa, inclusive com as suas medidas, as construções que hoje ali existem - ver os mapas do Google Maps aqui postados - não seguem essas divisões de lotes. Teriam sido eles modificados antes da venda aqui anunciada? Reparem bem como são diferentes hoje.

3 comentários:

  1. Ralph,

    A tal Gal Deodoro não é a atual Marechal Deodoro, mas provavelmente a Alberto Hodge .... Esta Gal Deodoro está perpendicular à que hoje é a Marechal Deodoro ...

    E a Sabesp não aparece no Mapa, deve estar por baixos dos "escritos"....

    Em tempo, quando mudei para lá a minha rua era a Julio Ribeiro, atual Alexandre Dumas ...

    Abraçao,

    Badolato

    ResponderExcluir
  2. Permita-me discordar, Badolato, a Gal Deodoro era a atual Marechal, mesmo... Alberto Hodge é aquela que liga a rua da Paz à Mal Deodoro esq com a ex-av. Sao Paulo, hoje Regina Badra. Lembro-me bem da placa "General Deodoro"... abraços

    ResponderExcluir
  3. Ralph,

    Fui traído pelos meus olhos ... Ao olhar o mapa antigo eu li Gal Deodoro onde está escrito Gal Ozorio, esta sim perpendicular a atual Marechal Deodoro ...

    Abraços

    Badolato

    ResponderExcluir